• [ Resenha ] Promessas de amor a desconhecidos enquanto espero o fim do mundo

    Numa antecipação às manifestações que floresceram desde junho de 2013, foi elaborada entre 2010 e 2011 a HQ Promessas de amor a desconhecidos enquanto espero o fim do mundo, autoria de Pedro Franz. Promessas iniciou chamando-me a atenção para o excelente título, bastante extenso, e pouco objetivo. Trata-se da história de um grupo de jovens manifestantes mascarados, autointitulados Jolly Roger, que são acusados de detonar uma bomba em um edifício e matar mais de 50 pessoas, e assim, passam a viver a fuga dos mecanismos de repressão do governo, tanto os oficiais quanto os obscuros. Jolly Roger é o nome da bandeira típica pirata, com a caveira e ossos ou espadas cruzadas, o grupo assumiu esse nome por utilizarem máscaras de caveiras. Esse nome é a corrupção do francês Jolie Rouge (Vermelho Bonito) que era a bandeira vermelha utilizada pelos piratas, para indicar a liberação para o extermínio.




    A criatividade do autor impressiona, prevendo em muitos pontos as formas de enfrentamento entre polícia e manifestantes nos protestos de 2013, em outros pontos recordando os meios utilizados extraoficialmente pelo Estado, principalmente na Ditadura, para representar Sua versão dos acontecimentos. O tom da obra é um tanto depressivo e pessimista. Na narrativa as máscaras de caveira do grupo Jolly Roger logo se popularizaram na sociedade comum, assim como aconteceu com a máscara de Guy Fawkes na onda de protestos real, e vídeos que se espalhavam rapidamente pela internet eram utilizados pelos manifestantes, demonstrando a violência policial.




    O livro também traz citações de alguns autores, algumas delas atingem como um soco, como a que diz que cada sociedade tem suas próprias formas de violência, ilustrada com belíssima arte, como as cenas briga de galos, comum em Bali. Nestas rinhas, quem se enfrentam na verdade são os homens, assim como no Brasil temos a sublimação da violência intrínseca do ser humano através do futebol.

    O livro se divide em três partes, Limbo, Underground e Potlatch. Limbo descreve os movimentos de fuga de Jolly Roger após o atentado, enquanto se escondiam das autoridades. Underground é fase de esconderijo e movimentação de Jolly, enquanto tentam mobilizar a sociedade. Potlatch é o fim da história, as grandes manifestações. O termo significa “dar”, e se refere a um ritual indígena norte americano, em que o homenageado se desfaz de todos seus bens, distribuindo estes entre os convidados, mostrando que a maior riqueza é a amizade destes.




    Os três volumes se encontram disponíveis gratuitamente no blog do autor: http://sobreofim.wordpress.com/

    Uma das melhores HQ que encontrei este ano. Leitura recomendada.


    Leandro Lawall
Sobre nós
© 2006 - 2017. tocadacoruja.net

  • » FAQ
  • » Manual do Fórum
  • » Parcerias
  • redes sociais